19/04/2017

O indiozinho quer (Homenagem ao dia do índio)












O indiozinho quer subir na árvore,
nadar no rio livremente.

O indiozinho quer dançar,
sob a luz do luar,
ao redor do fogo circular alegremente.

O indiozinho quer brincar,
como todos os bichos da floresta,
correr pra lá e pra cá,
fazer uma grande festa.

O indiozinho gosta de contar estrelas no céu lentamente.

Quer também caçar,
para sentir-se valente.

O indiozinho adora ouvir atentamente,
as estórias de seu povo,
e aplaude animadamente.

O indiozinho é tão inocente!

Que Tupã proteja sua alma e coração,
e a imensa pureza de sua mente!

Elza Ghetti Zerbatto

imagem: www.baixaki.com.br

13/04/2017

O brotinho de planta

















Sou um brotinho de plantinha,
estou crescendo lentamente,
pareço mesmo é ter bracinhos,
para quem me vê de frente.

Devagarzinho vou me esticando,
mais e mais a cada dia,
e quando você notar,
um susto vai levar.

Serei tão comprido,
que quando você passar,
esbarrarei na barra de seu vestido.

Curto muito a luz do sol,
ela me dá força e energia,
a água me refresca,
e também me sacia.

A terra me nutre,
com todas suas vitaminas,
e também suas proteínas.

Assim eu fico fortinho,
e posso até exibir a todos,
muito vaidoso,
meus musculosos raminhos,
pois sinto-me todo poderoso!


Elza Ghetti Zerbatto

 imagem: https://pixabay.com

06/04/2017

Meu mais novo blog: Estação Cigana



Bom dia amigos!

Quem me acompanha sabe o quanto gosto de cultura em geral e sempre que posso divulgo.

Criei um novo blog chamado Estação Cigana, onde exponho produtos únicos e exclusivos feitos por uma querida e talentosa amiga, e que também tem o intuito de divulgar e expandir o conhecimento das pessoas sobre a rica cultura cigana.
Sempre apreciei a moda e cultura oriental, mais especificamente a indiana, a qual vim saber há muito tempo depois que tem forte ligação com o povo cigano.
Segundo estudos feitos por historiadores este povo tem sua origem no norte da Índia.
Há pouco tempo me apaixonei, e me entreguei aos encantos da dança cigana.
Veio então a ideia de fazer um blog, onde posso passar um pouco do que estou aprendendo a vocês, e também fazer as pessoas verem essa cultura de forma mais respeitosa.
Bem é isso pessoal.
Para conhecerem e seguirem basta clicar em estacaocigana.blogspot.com.br
Venham participar pois semanalmente teremos novidades, entrevistas, poesias e é claro novos produtos.
Gratidão pelo carinho e atenção de vocês!
A todos um excelente fim de semana.
Elza Ghetti Zerbatto




Modelo de alguns produtos que estão no blog.








  Conjunto de pulseiras e brincos - R$ 10,00









 Este cinto serve como exemplo de modelo de mostruário e adorno, para saias e fantasias de ciganas.
Os preços citados não incluem taxas de correio.







30/03/2017

O bem-te-vi na casa da bruxinha
















A bruxinha estava na cozinha,
degustando frutas com o bruxinho,
quando ouviu um barulhinho.

Rapidamente pelo vitrô da cozinha foi espiar,
então viu sentado no telhado,
um bem-te-vi curioso,
olhando para todos os lados.

A bruxinha mostrou,
para o querido bruxinho,
o belo pássaro visitante,
e disse que ele,
provavelmente estaria,
ali e nos vasos para encontrar,
minhoquinhas para seus filhotinhos alimentar.

A bruxinha ficou feliz,
com essa visita inesperada,
e comentou ao bruxinho,
o quanto era importante ter,
plantas pela casa espalhadas,
para purificar o ar,
e também a natureza preservar.

Com tanta fartura,
os insetos e pássaros,
não precisarão passar sequer,
nenhuma agrura qualquer!

Elza Ghetti Zerbatto


imagem: www.baixaki.com

25/03/2017

A magia da dança cigana














Muito mais do que uma simples dança,
é um canal para liberação,
da magia e alegria de viver.

Cada movimento faz,
a perfeita conexão,
com os quatro elementos,
da amada Mãe Terra.

Em cada olhar,
ou gesto de mãos,
um diferente significado.

Sua base é a entrega,
e a transcendência,
dos limites corporais,
mentais e emocionais,
ligando e limpando cada chackra,
com a energia e vontade,
mistério e delicadeza,
aliados á sua glamourosa beleza,
sutileza e feminilidade,
por ela emanada.


Praticada há muito tempo,
nas indas e vindas,
do místico povo cigano,
adaptou-se e absorveu a influência,
dos diversos povos que a enriqueceram,
tornando-a uma linguagem universal.

Praticá-la causa o despertar,
da total sensação da mais pura liberdade,
encantamento e paixão,
além do respeito as tradições seculares,
de seus criadores e dignos mentores.

Conhecer seus atrativos,
traz abertura mental,
e faz-nos mergulhar internamente,
reconhecendo diferentes sentimentos,
há muito guardados,
e por vezes esquecidos,
em nossos corações.

Entre eles a gratidão e alegria,
o reverenciamento no dia-a-dia,
á magia de estarmos vivos,
e só por este simples motivo,
já estarmos em constante comemoração.


Elza Ghetti Zerbatto


Optchá!

Tradução: é uma palavra de origem romani, que é a língua cigana e significa Salve! 


Foto tirada no Estúdio de Dança Flávia Rodrigues eu e minha turma alto astral As Ciganitas

23/03/2017

Sarau Casa de Cultura Tremembé










CASA DE CULTURA TREMEMBÉ
RUA MARIA AMÁLIA LOPES DE AZEVEDO 190
TREMEMBÉ--SÃO PAULO
TEL. (011) 2991-42-91

SARAU LÍTERO-MUSICAL
DIA 25 DE MARÇO DE 2017
HORÁRIO:17 ÀS 19 HORAS

VENHA MOSTRAR SEU TALENTO!

DESDE JÁ MUITO OBRIGADA!


Foto pertencente aos organizadores e permitida para uso de divulgação do evento aqui neste blog

20/03/2017

Reflexões de outono













O outono chegou de mansinho,
conduzindo a característica melancolia,
sua temperatura mais fria,
convida-nos á reflexão,
introspecção,
vontade de estarmos sós.

Como uma folha amarelada,
pelo vento arrancada,
vejo meus pensamentos a vagar,
flutuando suavemente pelo ar,
pousando calmamente no empoeirado chão.

Observo calmamente,
essa intermediária e curiosa estação,
na qual as frutas são colhidas,
após lenta e longa jornada de crescimento.

Questiono internamente,
se não é esse o correto e sincrônico momento,
de refazer objetivos e planos idealizados,
a fim de vê-los na primavera materializados.

O outono representa na natureza,
o equilíbrio das estações,
o meio-termo justo e coerente,
entre o calor e o frio,
para ensinar-nos a experimentar,
na nossa vida diversas formas de visões.



Elza Ghetti Zerbatto

O outono neste ano no Brasil entrou em 20 de março ás 07h29min

imagem: www.osmais.com

O indiozinho quer (Homenagem ao dia do índio)

O indiozinho quer subir na árvore, nadar no rio livremente. O indiozinho quer dançar, sob a luz do luar, ao redor do fogo ...